Blogger Template by Blogcrowds.

Adiós!



Não gosto de dizer adeus, prefiro sempre um "até mais". Neste caso, entretanto, o meu adeus veio do coração. Em algumas ocasiões na vida é essencial dizer adeus. É preciso liberar o espaço do velho para o novo. É libertador. Veio sem pressa, naturalmente, do dia para a noite. É com muito prazer que digo:
"Você não tem mais espaço aqui. Seja feliz. Adeus.".

Agora sou um barquinho.

6 comentários:

ultimamente tenho preferido um até mais.
adorei a canção...
o barquinho... que vai deslizando na canção sem dizer adeus...

até mais"
um grande abraço
do Felipe

23/10/2008 17:31  

Adeus...
"bão tamém"
Estou com uma quase novidade. Se "firmar o corpinho", te conto...
Ficou curiosa??? (odeio que façam isso comigo)

23/10/2008 19:17  

Felipe,
as vezes um adeus é melhor. pode ter certeza.

Elga, como assim???? Curiosa é pouco!
Mas, td bem, espero firmar! heheheeh


bj

23/10/2008 22:00  

Tem coisas que é bom dar adeus. Infância (depois queremos de volta) dor de dente, nota baixa, vestibular.

Tem coisas que um até breve basta.
Tem coisas que nem um até breve.

Abreijos!

24/10/2008 08:13  

Adeus também foi feito pra se dizer bye bye, so long, farewell...

(estou rindo)
Mas até pra dizer adeus é necessário movimento muscular!

Ultimamente não consigo dar nem tchau de miss.... Ando achando que não quero partir. Ai, Cristo!

24/10/2008 12:35  

triste é dizer uma adeus quando ainda sobra alguma sensação. feliz, é poder dizer adeus sem receio. sem nenhum apego: nada melhor que a liberdade. mudanças sempre são boas e as vezes é bom elimar algo em nossas vidas, principalmente quando não nos faz bem!
mas bom, bom mesmo, é ser um barquinho delicado e leve a flutuar oceanos.
beijos, karen :)

25/10/2008 12:33  

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial