Blogger Template by Blogcrowds.


Pouco tempo atrás, li este lindo texto da Tatá, texto que adoraria ter escrito. Cada frase contém um pouco de mim, foi identificação instantânea. Não como aquelas sopas ralas, macarrões moles. Muito mais denso, com toda sustância necessária para viver cada um daqueles sentimentos.

"porque eu quero ser tudo o que eu puder. chega de barreiras, de limites, de cercas me delimitando espaço e me dizendo por onde eu posso ou não posso ir. meu caminho é o mundo inteiro. todas as cores, todas as dores, todos os 'sims' e todos os 'nãos'. eu quero tudo, o amor e a dor, quero da cabeça aos pés, quero por fora, por dentro e o que mais tiver direito. vontade do mundo. vontade de vida, vontade de me deixar colorir por dentro.
às vezes é assim mesmo. vem um tufão impiedoso, derruba tudo pelo caminho e deixa a gente de peito aberto, indefeso diante da vida.
dá medo. ah, dá. um medo danado.
porque é intenso, e derruba, e transforma. e às vezes dói. e às vezes muito.
mas quando a gente se levanta no dia seguinte, olha pela janela e um sol desavergonhado vem nos dar bom dia convidando a começar tudo de novo, ai, que vontade que dá.
eu tô assim.
pura vontade. pura intensidade.
os braços abertos antes do salto de pára-quedas. o imenso vazio azul-celeste até onde a vista enxerga. o coração batendo acelerado.
e aquele friozinho inconfundível na barriga."


Porque a enorme vontade de ser, fazer e viver é grande. Vai além do óbvio a mistura diversos e intensos sentimentos, então, não raras vezes saio correndo. Do outro lado da linha, aquela voz tão firme, sempre sabe o que diz: "permita-se", dizia ela. Saia do chão, sonhe, porque você pode. Você é linda por dentro e por fora. Pare com essa auto-sabotagem.
Tudo bem, pode entrar, porque quero torbellino e muito mais.

imagem: Thais Beltrame

4 comentários:

Karen,
Esse texto, realmente, impulsiona. E que maravilha que há um sol que nos convida a brindar a vida, a recomeçar. Também gostei muito de saber que existe uma voz que diz "permita-se".
Bjs.

28/06/2009 00:50  

Mesmo com o mundo limitando, o , o limite real é o próprio homem. Se ele ousa, então se torna infinito.
Também gostei muito do texto!

29/06/2009 22:25  

adorei o texto,pra cima!!!

30/06/2009 21:50  

ah...deixei selinho pra vc no meu blog!!

30/06/2009 22:35  

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial